Anunciando a verdade que liberta!

Rádio Online

Ouça no Spotify

Q

Novo Ano, Novas Atitudes!

Texto Base: Gênesis 28.10-19

INTRODUÇÃO
Em muitas situações tentamos fazer concertos e remendos, mas na verdade é preciso novas atitudes.
Jacó achava que tudo devia mudar em sua vida e por isso fugiu, mas, para onde insistia em ir, seus problemas estavam com ele, até o dia que percebeu que ele que precisava de uma transformação. Como mudar? Como recomeçar? Vamos refletir sobre mudanças em nossas vidas:

 1- Enfrente os problemas: v.10
Começava um novo tempo na vida de Jacó. Ele estava fugindo, mas apareceu uma pedra em seu caminho e ele teve que parar para repensar a vida. Não adianta fugir, porque onde você for, o problema vai junto. O problema não é o lugar, mas nós. Quando Deus não muda as coisas, Ele nos muda em relação a elas. Quando Deus não muda o que está ao nosso redor, é porque precisa mudar o nosso interior.

2- Descanse no Senhor: v.10,11
Jacó não tinha nem como descansar. Encontrou uma pedra no caminho e ali mesmo descansou no Senhor. Era tempo de parar. Às vezes é difícil, cansativo e doloroso mudar. Para mudar de direção, às vezes, é preciso parar e dar meia volta. Se preciso for, pare tudo e recomece.

3- Sonhe em Deus: v.12
Enquanto dormia, Jacó teve um sonho, mesmo deitado sobre aquela pedra. Viu uma escada que começava ali naquele ‘degrau’. E havia anjos descendo e subindo. Às vezes os obstáculos que encontramos são degraus para nossa vida. É preciso sonhar em meio às mudanças. Quando descansou, viu que Deus estava trabalhando. Os anjos subiam e desciam ocupados em levar orações e trazer bênçãos. É a prova da comunicação de Deus conosco.

4- Creia na presença de Deus: v.13-17
Deus está perto! Foi o que Jacó entendeu. E onde nós achamos que nada dá certo, pode ser o lugar escolhido de Deus. Jacó tinha uma família problemática e recebeu uma bênção para sua família (v.14). Em todos os lugares a bênção nos acompanha (v.15). Muitas vezes, nós que não percebemos a presença de Deus conosco (v.16). Foi naquele lugar difícil que ele recebeu a bênção (v.17). Onde há trevas a presença do Senhor brilha como uma forte luz que é mais forte que as trevas.

5- Erga um ALTAR para Deus: v.18 e 19
A pedra que era um problema virou travesseiro onde descansou e viu Deus trabalhar. E depois virou um altar para o louvor de Deus. Faça de sua vida um altar para Deus. Transforme seus problemas em um altar para o Senhor. Chega de reclamar. Chega de fugir. Adore a Deus aconteça o que acontecer. Mude! Recomece!

CONCLUSÃO
Aprenda a transformar os problemas em motivos de oração e bênção. Às vezes não vemos Deus agir porque não paramos para ver sua presença ativa em nossas vidas. Pode ser em meio a um problema que Deus pode abrir as portas do céu.

Fonte: Igreja Batista Central / Belo Horizonte – MG
Adaptado por: Pr. Eduardo Garcia – MCEO / Baependi – MG – www.ministerioceo.com.br
Correção Gramatical: Samuel Lopes Maciel
Coordenação e Revisão Geral: Pr. Donizétti Maciel

Estudo de Célula de Dezembro de 2018

[su_note note_color=”#fff369″] Receba nossos estudos em seu e-mail, cadastre-se abaixo:

[wysija_form id=”2″]

</p

Compartilhe este estudo!

+ Estudos

Você é Habitação do Espírito Santo

Texto Base: Efésios 3.16-19 INTRODUÇÃOVocê tem dado a devida liberdade ao Espírito Santo para morar em você e te auxiliar em sua caminhada cristã? Nós podemos limitar a ação do Espírito Santo em nossa vida, sabia? Quando tivermos dificuldades, situações complicadas,...

Idolatria do Coração – parte 2

Idolatria do Coração – parte 2

Texto Base: Efésios 5.5; Filipenses 3.19 INTRODUÇÃOSerá que quando pensamos em idolatria imaginamos somente ídolos de madeira, metal entre outras coisas que nossos olhos físicos podem ver? Você já parou para pensar que existem outros ídolos que são ocultos aos nossos...

Idolatria do Coração

Idolatria do Coração

Texto Base: 1 João 5.21; 2 Reis 17.33 INTRODUÇÃOOs israelitas perderam a fé dos seus antepassados distanciando-se do Senhor. Por esse motivo, Deus permitiu que fossem exilados para outras nações e seu território ficasse despovoado. Igualmente, hoje, nós perdemos o...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *